Autoridades donas da verdade!

Em qualquer documento com finalidade científica, exige-se o mínimo de compromisso com a verdade. Seja moral, ou simples e diretamente colocando as indispensáveis referências no rodapé do mesmo.

No Brasil, profissionais de saúde que vivem na mídia lutando contra as “maléficas” vitaminas e suplementos, promovendo procedimentos cirúrgicos “seguros e eficazes” e vacinas “seguras e eficazes”, como a Gardasil, mandaram tudo as favas: São eles próprios o verbo e a verdade! Condenam leigos que escrevem artigos pela internet, tratam com desdém os mesmo artigos e chegam a dizer que são perigosos, mesmo com dezenas de citações e referências.

Por serem o verbo e a verdade, não precisam de referências em seus artigos e a mesma Internet que criticam por ser “coisa de Internet”, torna-se veículo para suas ideias munidas a argumentum ad verecundiam. Ao público recomenda-se extrema cautela com o rótulo “Dr.” que muitos destes Srs. alocam como prefixo de seus nomes. Precisamente, nisso baseia-se a falácia: “Não acredite na verdade, acredite em mim!”

Coloco aqui prints e links de personalidades midiáticas da saúde que se pavoneiam de uma sapiência transcendental, derramam suas verdades e condenam a “pseudo-ciência”.

Drauzio Varella

O Rei da do argumento da autoridade. Aparece na imprensa o tempo todo e sua palavra é “inquestionável”. Já brigou com homeopatas, especialistas em medicina alternativa, pŕo-vidas e naturopatas. Aparecia em um esquete do programa Global Fantástico. A sana purificadora de Varella só não é maior que sua incapacidade em citar estudos em seus artigos: às vezes coloca algo como “Segundo a revista Lancet”. Sem citar número, mês, autor. Nada. Usa o argumento do Satus Quo, porque sabe que seus pares aceitam sua verborragia. Na matéria da captura de tela, versa sobre a baixa adesão dos brasileiros a bomba neurológica, chamada vacina anti-HPV Gardasil, cita dados, durante a matéria, do Ministério da Saúde. Dados de onde? Onde estão? De que mês? Não há. E esses têm sido os critérios do Dr. Drauzio em sua vida de escritor médico para as massas, ou não, visto que quando este Sr. fala, hipnotiza os cultos e incultos.

Drauzio
Drauzio e suas “drauzisses”

Jairo Bouer

Primário… Mas ostenta o “Dr.”. Título que põe em genuflexão a quase totalidade do povo brasileiro. É o “rei das camisinhas”. Um “camisólogo”. Em determinado momento de sua carreira, convencia a população da eficácia absoluta dos preservativos para tudo: gravidez, hiv, gonorréia e tutti quanti. Na prática, entretanto, o índice de segurança varia de acordo com o patógeno. Tem o mesmo modus operandi do Drauzio: Escreve artigos e dá conselhos, tirados de sua cartola mágica, quase sempre sem referência. Se limitando a citar o “Estudo tal de Harvard” no corpo da matéria.

jairo
Jairo Bouer

Flávio Lobo Heldwein

A intentada contra os suplementos vitamínicos tem um nome entre suas  fileiras de soldados, o médico Flávio Lobo Heldwin. Em seu site, também há “farta ausência” de referências científicas bem explícitas (como nos casos anteriores). Em um artigo sobre vitaminas, em determinado momento, joga uma clássica falácia da autoridade com argumento ad ignorantiam:

[…]tenho esclarecido que suplementos dietéticos e multivitamínicos não tem um benefício bem documentado na literatura médica. Independente desta falta de evidência científica, as farmácias e laboratórios lucram com a venda destes suplementos” (http://wp.clicrbs.com.br/saudedohomem/2014/04/22/homens-com-pedra-nos-rins-nao-deveriam-tomar-suplementos-de-vitamina-c/?topo=67,1,1,,38,77 )

Essa falta de “evidência científica” seria verdade, se não tivéssemos nos dado ao trabalho de pesquisar artigos sobre a Vitamina E, por exemplo, no PubMed, maior repositório de documentação científica do mundo, mantido pela Biblioteca americana de Medicina. Encontramos em nossa busca mais de 37,000 artigos. http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=Vitamin+E .

Em outro artigo (http://wp.clicrbs.com.br/saudedohomem/2014/04/09/suplemento-com-selenio-e-vitamina-e-aumentam-o-risco-de-cancer-de-prostata/?topo=67,1,1,,38,77), ele apela a dois estudos, apenas, sobre a incidência de câncer de próstata em consumidores de Selênio e Vitamia E. Como selecionamos aquilo que respalda nossas crenças, o Sr. Flávio seleciona aquilo que lhe dá argumentos contra as vitaminas, mas não leva em consideração a Ciência em sua totalidade. Sua notação científica é um primor: Fonte: estudo SELECT, revista JAMA (2008) e revista JNCI (2014). Visto que ele não se dá ao trabalho de nos dizer que mês, de onde tirou ou quais autores, tive que pesquisar e descobrir a fonte do estudo sobre Câncer de Próstata, Selênio e Vitamina E (SELECT, 2008) e colocar no rodapé.

flavio
Flavio e sua notação científica excelente

Muitos exemplos. Muitos erros. Muitos crédulos…

Os exemplos são muitos. Eu poderia passar a vida inteira citando casos crassos de dezenas de médicos que usam seus jalecos como prova sacro santa de que o que proferem é verdade, em sites, internet afora. Está errado! Ninguém deve acreditar em mim, em um médico ou em nada que não tenha provas ou referências. É o essencial da metodologia científica.

Essa submissão das urbes ao jaleco é a principal causa da epidemia de erros médicos que assola o país. É um tumor que vem sendo alimentado a mais de 100 anos e cujos primeiros sintomas transbordam agora. Você não deve confiar sua vida a uma autoridade. Deve ouvir, pesquisar e se informar. Hoje, conhecimento é poder e está em todo lugar. No final, uma medicina onde o paciente é sujeito ativo de sua saúde é melhor para os médicos, que não serão processados por sonegação de informação e lesão corporal, e clientes, que não arcarão com as sequelas severas de negligência e erro médico.

Fontes:
VARELLA, Drauzio. HPV: POR QUE A ADESÃO À SEGUNDA FASE DA VACINAÇÃO FOI BAIXA?, http://drauziovarella.com.br/crianca-2/vacina-hpv-por-que-a-segunda-fase-da-campanha-teve-uma-adesao-tao-baixa/

VARELLA, Drauzio. INFECÇÃO PELO HPV, O PAPILOMAVÍRUS HUMANO, http://drauziovarella.com.br/mulher-2/hpv-papilomavirus-humano-4/

SEGATTO, Cristiane. Ervas Medicinais: Os conselhos de Drauzio Varella, http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI162899-15230,00-ERVAS+MEDICINAIS+OS+CONSELHOS+DE+DRAUZIO+VARELLA.html

DOWNES, Stephen. Stephen Downes Guide to the Logical Fallacies, http://onegoodmove.org/fallacy/welcome.htm

BOUER, Jairo. Spray de oxitocina pode fazer homens consumirem menos calorias. http://doutorjairo.uol.com.br/spray-de-oxitocina-faz-homens-consumirem-menos-calorias-em-experimento/

HELDWEIN, Flávio Lobo. Suplemento com selênio e vitamina E aumentam o risco de Câncer de Próstata, http://wp.clicrbs.com.br/saudedohomem/2014/04/09/suplemento-com-selenio-e-vitamina-e-aumentam-o-risco-de-cancer-de-prostata/?topo=67,1,1,,38,77

HELDWEIN, Flávio Lobo. Homens com pedra nos rins não deveriam tomar suplementos de Vitamina C. http://wp.clicrbs.com.br/saudedohomem/2014/04/22/homens-com-pedra-nos-rins-nao-deveriam-tomar-suplementos-de-vitamina-c/?topo=67,1,1,,38,77

SELECT. National Cancer Institure. Selenium and Vitamin E Cancer Prevention Trial (SELECT). http://www.cancer.gov/newscenter/qa/2008/selectqa

Anúncios

4 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s